segunda-feira, janeiro 18, 2016

"Daqui não sais viva": Review

Interrompo a hibernação deste blogue para publicar a minha visão sobre o livro de João Bonifácio e todo o tema relacionado com Palito, violência doméstica e tudo que o rodeia:

Daqui não sais VivaDaqui não sais Viva by João Bonifácio

My rating: 3 of 5 stars


Todo tema parecia ser bastante interessante: perceber não a história do crime, mas o que está por detrás de todo o fenómeno Palito: os antecedentes, o ambiente, a cultura da terra.
Diria que o objetivo é parcialmente atingido: os temas são abordados, mas a escrita, apesar de elaborada, avança e recua no tempo, fazendo com que por vezes o leitor se sinta "perdido".
Talvez com uma outra abordagem à escrita saísse um livro totalmente diferente, quem sabe melhor.
Em todo o caso, trata-se de um registo importante para quem deseja saber mais acerca do tema da violência doméstica: como surge, como se mantém, porque persiste.



View all my reviews

domingo, dezembro 18, 2011

Publicidade de Antanho XIV


Ainda em Alvalade, Lisboa.... só o termo "Mercearias Finas" está a transformar-se em termo de antanho também!

Publicidade de Antanho XIII



Algures em Alvalade, Lisboa...
O "Porto" já se transformou em "Popt".

terça-feira, setembro 20, 2011

Publicidade de Antanho XII


O "meu" primeiro Mundial! Só me lembro de ver no verão, no Algarve, e do "Naranjito" :)
Descoberto na Vidigueira!

Publicidade de Antanho XI

A minha marca de gelados preferida... ai aquele geladinho de amarena....


Publicidade de Antanho X

Um grande banco!



segunda-feira, maio 09, 2011

Polónia, um país evoluído

Nos idos tempos de 2008 tive a oportunidade de me deslocar até terras polacas, mais concretamente até Wrocław (leia-se [ˈvrɔtswaf], ou algo parecido com vrostwaf). É uma cidade pacata, não muito grande e sem o brilho de outras cidades maiores. Tem no entanto, como tantas outra cidades do centro da Europa, uma praça muito bonita, de onde toda a sua dinâmica emana.

Estando em formação, não houve propriamente grande oportunidade de conhecer os usos e costumes desta cidade: os factos mais marcantes foram de facto a péssima comida: fritos com fritos e mais fritos (argh!), e outros detalhes curiosos, também passados na cantina, e que tive oportunidade de documentar, como se pode ver:



...nada como um pouco de cultura enquanto se espera por mais uns fritos! Ao menos sempre serve para aliviar a dor! Os polacos é que a sabem toda!

domingo, maio 08, 2011

Publicidade de Antanho IX

Algures em Cacilhas...

LCI, o precursor do PSR, por sua vez o precursor do Bloco de Esquerda...

(Más) memórias do Reino Unido

Toda a gente sabe que o Reino Unido não é conhecido pela sua qualidade gastronómica. Há claras excepções como por exemplo a delícia que é curd ou uma cavala fumada que era uma autêntica delícia.

Há porém aquelas más memórias culinárias. Aquelas que parecem exceder o nosso gosto e que nos fazem pensar "como é que alguém consegue ingerir uma mixórdia destas?".

Meus caros, minhas caras, apresento-vos:

Para quem não conhece, vou citar a Wikipédia na sua página sobre o produto:

"Marmite é um dos produtos alimentares ingleses mais populares. Está na categoria dos alimentos intensificadores de sabor, e é muito empregado como pasta para untar as tostas. É elaborado exclusivamente com extracto de levedura obtida como subproduto do processo de fabrico de cerveja.

O seu aspecto é pegajoso, castanho escuro, com um odor potente e sabor característico [...]"

A minha memória relativa a esta substância é exactamente a de ver os meus colega de casa ingleses a barrar torradas com Marmite. Uma experiência próxima do asqueroso...

Toda esta experiência não passava de uma memória longínqua, até que há uns meses atrás, em pleno Jumbo de Alfragide, dou com estes frascos que vêm na foto na prateleira.
É mau. É muito mau. A minha esperança é que sejam stocks muito limitados para servir a comunidade britânica.

Por isso, se virem este frasco à venda, já sabem. Eu avisei.

segunda-feira, março 14, 2011

Publicidade de Antanho VIII

Algures junto aos Armazéns do Chiado, Lisboa, numa parede escondida...

Publicidade de Antanho VII

Mais uma imagem de teor político.

O que é incrível é como ainda se consegue encontra deste tipo de pichagens (bonita palavra) perto da cosmopolita Avenida de Roma, em Lisboa!

Reza (bonita palavra no contexto) assim: "Os burgueses só são democratas quando[?] não podem ser fascistas".

Muito bom!